Bateristas que poderiam entrar no Foo Fighters
Fotos via Reprodução/YouTube

No último dia 3 de Setembro, o tributo a Taylor Hawkins foi um dos assuntos mais comentados da internet e deixou muita gente de coração apertado por lembrar que o baterista do Foo Fighters não está mais entre nós.

Apesar disso e da banda ainda não ter anunciado qualquer tipo de continuidade para o futuro, é inevitável que a gente pense em como poderia ser uma nova formação dos Foos — afinal de contas, a banda tem um significado importantíssimo para tanta gente e, pelo que vimos no tributo, tem muito baterista capaz de fazer bonito no papel que outrora foi ocupado por Taylor.

Com base no que vimos no tributo e em suposições próprias, montamos uma lista de 5 possíveis bateristas para esse posto tão disputado e difícil.

Confira a seguir e conta pra gente no Instagram e no Twitter: quem você escolheria?

Rufus Tiger Taylor

Sem dúvidas um dos que mais chamou atenção na noite do tributo, Rufus Tiger Taylor mostrou uma sintonia gigante com Dave Grohl e companhia no palco de Wembley. O baterista é filho de Roger Taylor, ícone do Queen, mas honestamente parece mais um irmão perdido do próprio Taylor Hawkins do que qualquer outra coisa.

Não bastasse a semelhança física, o estilo de tocar também remete bastante e o próprio público pareceu abraçar bem a ideia de Rufus assumir as baquetas, em especial depois que a banda fez seus tradicionais improvisos com ele, mostrando uma baita conexão.

Vale lembrar, no entanto, que o cara já tem uma agenda cheia como baterista fixo do The Darkness desde 2015 e também dando um apoio ao pai nas turnês do Queen + Adam Lambert.

Shane Hawkins

Com cerca de 16 anos de idade, Shane foi um show à parte durante o tributo ao pai. Com um estilo bem agressivo de tocar bateria, o garoto apresentou “My Hero” em um dos momentos mais emocionantes da homenagem, mas mostrou carisma e personalidade ao agir de maneira bem irreverente enquanto esteve no palco, até mesmo “invadindo” o microfone de Grohl em um dado momento.

O principal problema com Shane é justamente a sua idade e a perda recente do pai, o que pode fazer com que sua família não veja com bons olhos a rotina de turnês de uma banda famosa. Ao mesmo tempo, também é possível que o jovem Hawkins queira trilhar seu próprio caminho, o que seria justíssimo!

Josh Freese

Dentre todos os bateristas que passaram pelo tributo a Taylor Hawkins, Josh Freese talvez tenha o currículo mais invejável. Conhecido como um baterista de estúdio e de turnê fantástico, ele já acumula colaborações com nomes que vão desde Paramore e Weezer até Nine Inch Nails e Guns N’ Roses, além de ser membro fixo do Vandals e do Devo e de ter assumido as baquetas nas turnês do Offspring desde 2021.

Com uma agenda tão apertada e uma aparente preferência por trabalhos mais curtos e sem tantos holofotes voltados para si, é difícil pensar que Josh toparia assumir esse lugar. Mas, no tributo, ele fez um papel fantástico e muita gente comentou que estaria perfeitamente satisfeita com a entrada do experiente músico na banda!

Nandi Bushell

Tá, a gente sabe que por enquanto é um sonho distante. Mas quão legal seria ver a pequena e talentosíssima Nandi Bushell, que viralizou justamente por desafiar Dave Grohl nas redes sociais, assumir o lugar de Taylor?

Com apenas 12 anos de idade, a pequena definitivamente não está pronta para uma tarefa tão difícil por agora, mas já dá pinta de que pode ser uma excelente baterista profissional no futuro. Ao mesmo tempo, não sabemos quais são os planos dos Foos e se eles envolvem um retorno agora ou só daqui algum tempo.

Quem sabe?

Dave Grohl

A última e menos provável possibilidade seria o próprio Dave Grohl assumir a responsabilidade de substituir o saudoso Hawkins. Como isso seria feito é um grande mistério, mas tem como: Dave poderia, por exemplo, gravar as linhas de bateria no estúdio e convidar um baterista de turnê, como o próprio Josh Freese ou o também incrível Omar Hakim, para os shows.

Outro cenário possível mas bem menos provável é o do próprio Dave virar um baterista e vocalista, já que a banda atualmente conta com três guitarristas fixos (além de Dave, os ótimos Chris Shiflett e Pat Smear têm a mesma função) e parece menos invasivo adicionar um outro guitarrista para complementar a formação.

Seria trabalhoso, mas o cara mostrou que está afiadíssimo no instrumento ao tocar com o Them Crooked Vultures no tributo…

OUÇA AGORA MESMO A PLAYLIST TMDQA! ALTERNATIVO

Clássicos, lançamentos, Indie, Punk, Metal e muito mais: ouça agora mesmo a Playlist TMDQA! Alternativo e siga o TMDQA! no Spotify!

 

Compartilhar